Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Projeto de segurança veicular realizado pela Facens é publicado em revista alemã

Em sua edição de abril, a revista AWARE, do Instituto de Tecnologia Ingolstadt, publicou um artigo sobre o projeto de segurança veicular realizado pela Facens, “Rota 2030: Motorcycle Detection in the Vehicle Blind Spot Using a Radar Sensor”.

A publicação, que é assinada por Pietro Lo Presti Campos (Facens), Luiz Henrique Aguiar Campos (Facens), Herick Yves Silva Ribeiro (Facens) e Fabio Reway (Technische Hochschule Ingolstadt) fala sobre pesquisa e desenvolvimento na área de segurança veicular no programa Rota 2030.

Atualmente, veículos produzidos em série são equipados com sistemas avançados de assistência e responsáveis ​​pelo conforto e segurança do motorista. O uso desses sistemas é cada vez mais comum em países desenvolvidos.

No entanto, veículos equipados com tais recursos podem ter reações diferentes quando operandos em países onde o veículo não é produzido, como no Brasil, por exemplo.

Isso se dá por conta dos cenários de trânsito do país em questão, que acabam sendo diferentes comparados a outros países, devido às leis de trânsito, hábitos e padrões de condução, principalmente no que se refere ao tráfego pesado de motocicletas nas vias urbanas.

Com base nesse estudo, as multinacionais Robert Bosch Ltda. e Fiat Chrysler Automobiles (Stelantis) juntas com a Facens, o Instituto Tecnológico de Aeronáutica e a Technische Hochschule Ingolstadt uniram forças em um projeto de pesquisa com o objetivo de desenvolver um sistema usando sensores de radar instalados em carros, capazes de detectar motocicletas em pontos cegos “condução nos corredores” das vias urbanas brasileiras.

Para ler a publicação completa, clique aqui. O texto está na página 28.

Rota 2030

Em 2020, a Facens foi selecionada, em primeiro lugar da sua categoria, para a execução de um projeto de pesquisa e desenvolvimento na área de segurança veicular no programa Rota 2030.

Rota 2030 é um programa do Governo Federal e tem como objetivo apoiar o avanço tecnológico e científico do setor automotivo, tendo a FUNDEP como coordenadora da Linha de Segurança Veicular .

Além do Governo Federal, o projeto aprovado também conta com a parceria de empresas do setor e outras instituições, como Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), Technische Hochschule Ingolstadt (THI) e Bosch.

Sobre o projeto

O projeto de segurança veicular, desenvolvido por pesquisadores da Facens, ITA, THI e Bosch tem como objetivo diminuir as consequências desastrosas de uma colisão direta entre carro e moto, através da detecção de motos por radares veiculares e sinalização aos condutores.

Por meio de pesquisas, desenvolvimento de tecnologias, testes práticos e em softwares de simulação, o projeto visa ao desenvolvimento modelos e de algoritmos capazes de incrementar a segurança durante a condução do veículo.

Com os dados e testes, será possível a comparação dos diferentes resultados, alimentando uma grande base de dados e permitindo o desenvolvimento de um dos principais marcos do projeto: a criação de um modelo de radar, baseado em inteligência artificial, capaz de gerar dados sintéticos e realistas.

Leia mais sobre o projeto

Inscrever-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Todos os comentários
0
Adoraria seus pensamentos, por favor, comente.x