Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Alunos da Facens vencem hackathon internacional, organizado pelo MIT Lincoln Laboratory

Três alunos da Facens ganharam, recentemente, o primeiro lugar em um Hackathon internacional, o IEEE GRSS Boston, organizado pela IEEE GRSS, pelo MIT Lincoln Laboratory, o Project Owl e a Westlight AI.

A equipe da Facens superou outros 60 estudantes do mundo todo neste desafio, que tinha como objetivo encontrar soluções, por meio da aplicação de algoritmos de Inteligente Artificial (IA), para as devastações causadas pelo furacão Maria, que passou em Porto Rico, em 2017. Os participantes utilizaram os dados de LiDAR, coletados pelo sistema aéreo do MIT Lincoln Laboratory.

Os competidores puderam escolher um ou mais desafios, como encontrar estradas e prédios destruídos, áreas com riscos de deslizamento, áreas isoladas, sem redes de comunicação, entre outros.

Os alunos da Facens, Lucas Abreu, Luiz Aguiar e Vinícius Leite optaram por encontrar estradas e prédios destruídos, utilizando duas metodologias: redes neurais para nuvens de pontos (tipo de dado de output de um LiDAR) e verificação das “footprints” das casas. Todos tiveram cerca de 10 dias para desenvolver e submeter seus projetos.

“Foi um resultado incrível e estamos muito orgulhosos da nossa equipe. O desafio foi enorme, pois além dos resultados práticos, o grupo escreveu um documento de mais de 20 páginas especificando o assunto, as abordagens escolhidas para resolver o problema e, ainda que não tenham sido realizadas, as abordagens escolhidas para resolver os outros desafios propostos”,

explica Fabiano Marques, Reitor do Centro Universitário Facens

Parabéns pela conquista, pessoal!

0/100
Inscrever-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Todos os comentários
0
Adoraria seus pensamentos, por favor, comente.x