Skip to content Skip to sidebar Skip to footer
strongertech no IBRACON

StrongerTech Facens conquista top 5 de todas as categorias em Congresso do IBRACON

Entre os dias 11 e 14 de outubro, em Brasília, a equipe StrongerTech Facens do LINCE (Laboratório e Inovação e Competições Estudantis), participou do 63º Congresso Brasileiro do Concreto, do IBRACON.

Além das competições, este é um evento focado nos avanços, estudos e conquistas recentemente alcançados no campo da engenharia de materiais e de estruturas com foco nos aspectos ambientais, redução de carbono e sustentabilidade. 

Dentre as 19 equipes participantes, os estudantes do Centro Universitário Facens, dos cursos de Arquitetura e Urbanismo e Engenharia Civil, foram destaque nas competições, conquistando 2 pódios e ficando no top 5 de todas as categorias!

Confira abaixo o resultado oficial de todas as modalidades:

APO (Aparato de Proteção ao Ovo):
1° – PUC Minas
2° – FACENS
3° – FEI
4° – Mackenzie
5° – Mauá

COCAR (Concreto colorido de alta resistência):
1° – PUC Minas
2° – FACENS
3° – FACENS
4° – Mackenzie
5° – Mauá

CONCREBOL (Bola de Concreto):
1° – Mauá
2° – FEI
3° – Mackenzie
4° – FACENS
5° – Mauá

QSFAV (Quem sabe faz ao vivo):
1° – UFMS
2° – Mauá
3° – GREC EEP
4° – UFBA
5° – FACENS

Conheça um pouco sobre cada categoria:

APO (Aparato de Proteção ao Ovo)
Objetivo: desenvolver elementos estruturais que resistam à cargas dinâmicas, aproveitando ao máximo as propriedades do concreto. Neste caso, os alunos desenvolvem uma estrutura que representa a estrutura de um prédio, ao qual é simulado um desabamento. Para isso, um peso é lançado sobre a estrutura, com um ovo embaixo, e o desafio é que o ovo permaneça intacto. Com isso, a equipe que resiste ao maior peso, vence!
A estrutura da StrongerTech Facens resistiu até 1,50 metros de altura de queda, e o primeiro lugar conseguiu resistir até 2,50 metros.

COCAR (Concreto colorido de alta resistência)
Objetivo: desenvolver uma peça de concreto adicionando uma coloração. Vale ressaltar que quando adicionada a coloração, a mesma mexe na composição química da estrutura. Neste caso, o desafio é manter a resistência e coloração. Para essa análise são feitos diversos testes de resistência.
A estrutura da StrongerTech Facens resistiu à 201 MPa (Mega Pascal).

CONCREBOL (Bola de Concreto)
Objetivo: construir de uma bola de concreto leve, de diâmetro próximo ao de uma bola de boliche. Entre os desafios da competição, estão fazer um gol, percorrer uma trajetória reta sobre uma prancha horizontal e apresentar o melhor desempenho em teste de compressão.
Apenas a StrongerTech e equipe Mauá conseguiram fazer o gol!

QSFAV (Quem sabe faz ao vivo)
Objetivo: diferente das anteriores, nesta o material deve ser produzido no local da competição. Onde o desafio é desenvolver um concreto autoadensável, translúcido, de baixo custo e alta resistência. A equipe tem 60 minutos para pesar o material, preparar o concreto, testar a consistência, moldar os corpos de prova e realizar a limpeza do ambiente.

Confira algumas fotos da equipe StrongerTech no evento:

Siga a equipe @strongertech_facens e fique por dentro de todas as novidades.

Inscrever-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Todos os comentários
0
Adoraria seus pensamentos, por favor, comente.x